O Clube das Chocólatras – Carole Matthews

capa O Clube das Chocólatras Sinopse: Chocolate. Esta não é uma palavra tão simples quanto parece. Ela pode significar a cura para uma dor de cabeça e até determinar o perfil psicológico de uma pessoa - pelo menos para Lucy Lombard, protagonista do divertido "O clube das chocólatras", de Carole Matthews. Lucy e três grandes amigas - Autumn, Nadia e Chantal - se unem para, com a ajuda de muito, muito chocolate, enfrentar difíceis problemas cotidianos: um namorado galinha, um chefe paquerador, um marido viciado em jogo, um casamento sem amor... Afinal, existe algo melhor para aliviar tensões, curar corações partidos e originar uma história tão doce e divertida como esta?

***

Todos juntos: chick-lit fora! ih fora! ih fora...

Brincadeira, tem muita coisa boa nesse gênero, mas ultimamente não é o que se tem visto por aí. Capas lindas e chamativas, títulos que prometem uma grande história, sinopses pomposas e comparações com, por exemplo, Marian Keyes povoam o mercado, mas seu conteúdo (hummm!!!) deixa muito a desejar.

São sempre as irritantes mulheres de 30 anos ou mais agindo como adolescentes. Poxa! Sou mulher... que humilhante conhecer uma personagem assim.

Nesse livro as amigas Lucy, Autumn, Nadia e Chantal se conheceram em uma chocolataria e dividem não só o vício por chocolates, mas também suas alegrias, dificuldades, dúvidas e buscam apoio uma nas outras para enfrentar seus problemas.

Lucy é um pouco destrambelhada, tem um romance de cinco anos com Marcus - que é um traidor, mas tão lindo que, para ela, fica difícil não perdoar -, um chefe paquera muito fofo no emprego e ainda vai encontrar um romance nada peculiar durante a história.

Autumn é professora de vitrais para jovens viciados em drogas e tem um irmão que vai lhe arrumar muita dor de cabeça, mas consegue encontrar o amor em meio a toda confusão.

Nadia é casada e mãe, mas seu marido coloca tudo a perder por não conseguir se afastar dos jogos de azar on-line.

Chantal também tem marido, mas não tem sexo, pelo menos dentro de casa...

Não gostei muito do livro. Ele é fácil e rápido de ler, mas pouco divertido e as aventuras das quatro amigas não me convenceram. E claro que tudo era regado com muito, mas muito mesmo, chocolate. Chega a enjoar só de ler... E elas não eram gordas não!! Todas lindas... vai entender.

Talvez tenha sido o “meu momento” que não ajudou, porque eu não consegui degustar da leitura. Não vou desistir do gênero, não! Mas acho que vou prestar mais atenção nas indicações de outras pessoas que leram, assim talvez não haja uma leitura vazia.

4 comentários:

Jeanne Rodrigues disse...

Driza,

Eu...estou fora com certeza....

Nem os da Marian li ainda...

Bjos,

Vivi Bastos disse...

Um banho de renovação nesse gênero ou então, prevejo seu fim, pelo menos, na minha vida literária...rsrs

Beijos

Regina disse...

Estou com a Jê.

Nunca li nem os da Marian. Mas é que são livros que não fazem meu estilo. E agora, então, é que vou passar bem longe.

bjs

CCHOCETANDO disse...

Só essa capa já dá uma vontade de chocolate né meninas... hahaha Cristina.

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso Chá das Cinco!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Faça valer a sua opinião! Seja educado(a). Gentileza aqui sempre tem vez. Portanto, mensagens ofensivas não serão publicadas.

 
UM LIVRO NO CHÁ DAS CINCO © 2010 | Designed by Chica Blogger. Personalized by Lili and Medéia| Back to top