Take this Regret de A.L. Jackson




Há erros que cometemos dos quais nos arrependemos pelo resto da vida. Para Christian, foi o dia em que traiu Elizabeth. Christian Davison tem sua vida planejada. Está determinado a se tornar um advogado e um dia assumir seu lugar de sócio no escritório de advocacia  de seu pai. Nada vai ficar em seu caminho, nem mesmo Elizabeth Ayers e o bebe deles que ela está esperando. 

Depois que Christian a cortou de sua vida, Elizabeth passou os próximos cinco anos lutando para criar sua filha e não se importando em se sacrificar para proporcionar à sua criança uma vida segura e confortável. 

Por cinco anos, Christian se arrepende de  ter abandonado sua família e fará todo o possível para reconquistá-la, enquanto Elizabeth fará tudo para proteger sua filha da mágoa certa que acredita Christian provocará. 

Quando Christian luta para conquistar um lugar na vida delas, Elizabeth é forçada a se perguntar se é possível perdoar alguém quando ele comete o imperdoável e se é possível encontrar o amor depois de ele estar enterrado por anos no ódio. Ou há feridas tão profundas que nunca poderão se curadas? Dizem que todos merecem uma segunda chance...


Esse resumo me chamou muito a atenção e aproveitei que o livro está com desconto para o Kindle e acabei comprando. Não me arrependo, pois é uma história muito intensa e que traz uma certa angústia ao ver a luta dos personagens para resolver as situações apresentadas.

Christian e Elizabeth estão na universidade e apaixonados. Christian que ser advogado para assumir um lugar na empresa da família. Elizabeth que ser advogada para lutar pelo direito das crianças. Fazem planos para o futuro, onde o casamento é citado. Mas tudo muda quando Elizabeth se descobre grávida e Christian apresenta seu ultimato: o bebê ou eu! Para ele, um bebê só traria problemas e adiaria os sonhos. Ele esperava que Elizabeth pensasse como ele, porém se enganou completamente quando ela simplesmente deixa de comparecer às aulas. Ele fica dividido, pois ama muito Elizabeth, mas não sabe o que fazer e fica paralisado! Quando ele resolve agir, já é tarde demais...

Elizabeth pede ajuda de Matthew, um amigo que trabalha no mesmo restaurante que ela e os dois desenvolvem um relacionamento de irmãos. Ele é a fortaleza dela nessa hora de provação. E nos próximos cinco anos é com Matthew que Elizabeth conta. Até Christian aparecer na porta dela e revirar sua vida de ponta cabeça...

O livro é narrado em primeira pessoa pelo dois personagens, então sabemos o que ambos estão sentindo e pensando. E isso nos ajuda a ver como é difícil para eles encararem e enfrentarem tudo o que passaram e lutar pelo que desejam.  

Apesar de Christian ter sido um cachorrão com Elizabeth, ao acompanharmos os pensamentos e  sentimentos dele, não conseguimos ficar com raiva. Claro que sabemos que ele tem de se rastejar para conseguir o perdão de Elizabeth – se é que ela conseguirá perdoá-lo. Mas não dá para odiá-lo, pois sabemos que ele também sofre com a ausência da mulher que ama e da criança que ele não conhece. E tem consciência de que a culpa é toda dele!

Não dá para ficar comentando muito, senão vou acabar dando spoilers. Mas posso afirmar que não dá para ficar indiferente durante a leitura desse livro! Recomendadíssimo!

1 comentários:

Stefany Orlandini disse...

vou ler

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso Chá das Cinco!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Faça valer a sua opinião! Seja educado(a). Gentileza aqui sempre tem vez. Portanto, mensagens ofensivas não serão publicadas.

 
UM LIVRO NO CHÁ DAS CINCO © 2010 | Designed by Chica Blogger. Personalized by Lili and Medéia| Back to top