O Encontro – Richard Paul Evans

Se eu pudesse descrever esse livro em uma só palavra seria UAU!Mas não dá! É um livro lindo. Uma história singela, mas envolvente, tocante, sincera, tocante! Estou efetivamente apaixonada por esse livro que devorei literalmente em 2 dias!
Tinha tempo que eu não encontrava um autor novo que me levasse tão fundo numa história e que me tocasse tão profundamente! É um livro que preenche nossa mente, nossas almas e corações com uma narrativa linda, em primeira pessoa, na qual conhecemos Alan, ou Al, um homem em sua jornada por autoconhecimento, tentando curar as feridas de sua alma, optando pela vida quando tudo lhe direcionava para a catástrofe!
Esse livro é talvez o diário da viagem a pé de Alan pelos Estados Unidos, que se inicia como a única forma que ele encontra para não sucumbir ao desespero de ter sua vida totalmente mudada, despedaçada, e principalmente para não sucumbir à tristeza e ao pesar pela perda, aparentemente definitiva (e eu não vou explicar o aparentemente), de sua mulher e melhor amiga, que morre inexplicavelmente após sofrer um acidente grave, numa queda de cavalo!
É um livro simples, pequeno em tamanho, mas enorme em sentimentos, que calou fundo em mim, despertando a tristeza pela vida desse personagem, mas também me ensinando como é possível ressurgir do desastre melhor, mais forte e ainda assim, humano!
Alan tinha tudo, uma vida perfeita, uma mulher maravilhosa por quem ele era completamente apaixonado, uma empresa de sucesso, e uma profissão que o satisfazia totalmente! Tudo isso muda, numa tarde, após um telefonema de seus vizinhos, dando a notícia do acidente de sua mulher! Daí em diante Alan vê todo o seu mundo ruir, e acaba diante de uma escolha lancinante, cometer suicídio! Só não chega a esse ponto devido a uma promessa feita para a esposa!
Então, para não desistir da vida, Alan começa a sua jornada! E nessa jornada ele compreenderá que não podemos tornar aqueles entes que partiram em tristes fantasmas ou em vilões da nossa infelicidade, o que eles serão para nós depende do que fizermos das lembranças dos momentos bons que dividimos!
Eu não vou continuar porque senão conto tudo, e acabo até chorando, e olha que lendo o livro eu chorei de emoção em muitas oportunidades! Mas não conseguia largar de jeito nenhum!
Vou só colar aqui embaixo um pedacinho do livro para dar um gostinho para vocês:

"O negócio é que o único sinal verdadeiro da vida é o crescimento. E o crescimento exige dor. Portanto, escolher a vida é aceitar a dor. Algumas pessoas fazem um grande esforço para evitar a dor e abrem mão da vida. Enterram seus corações, ou se drogam, ou bebem até ficarem anestesiadas, sem sentir mais nada. A ironia é que no fim a fuga se torna mais dolorosa do que aquilo de que estavam fugindo."
É o primeiro livro da Série Caminhos, e já se torna o melhor livro de 2012 até agora para mim!

Eu indico!

19 comentários:

VannyGama disse...

Olá Adriana! Adorei a resenha!
Estou lendo esse livro e já estou na metade em apenas 1 dia de leitura. Estava meio desacreditada de que essa caminhada do Alan fosse ser algo realmente interessante, mas depois da sua resenha acho que vai ser muito legal e quero muito saber!!! Por enquanto estou gostando do livro, apesar do início ser muito parecido com o livro Para Sempre. To super ansiosa pra terminá-lo!
Beijos

Leninha - sempre romantica disse...

Nossa, fiquei tocada com sua resenha!
Estou doida para ler esse livro, acredito que uma resenha assim só nos inspira a degustar um livro que parece tão lindo.

Ganhei o marcador do livro e axchei lindo, essa capa é perfeita e posso afirmar com certeza: ESSE É UM LIVRO MEU NÚMERO!

Beijinhos!

Vall Knopp disse...

uau é pouco né!? o livro me pareceu interessantíssimo. Essa dor que evitamos em nossa jornada é lancinante, mas necessária para nosso crescimento e evolução. Por que não enfrentá-la e tornar a vida mais alegre!? Porque é difícil se desprender de velhos vícios. Adorei a história e está na minha lista de preferidos!

kika disse...

adoro os livro do nicholas sparks..... esse esta na minha lista de proxima leitura....... agora com a sua resenha quero ler já.......

Regina disse...

Me contagiou! Já estou indo procurar.

Ótima resenha!

bjs

Jihanne Rocha disse...

Olá meninas, estou acompanhando o Chá tem pouco tempo e estou viciada, amando as resenhas que vocês fazem com tanto carinho para nós suas seguidoras. Obrigada por dedicarem um tempo de vocês para compartilhar o amor pelos livros com a gente!!!!!
Estou muito interessada em ler esse livro, espero encontra-lo ontem kkkkk!
Como sempre....ótima resenha, fiquei emocionada!
Bjo pra vcs!!!!

Zezito disse...

Sensacional!!! Tô indo comprar já!!

Bjos

Adriana disse...

Se eu não me engano esse livro é do mesmo autor de A Promessa né? Pq se for, eu já recomendo sem ter lido, apenas lendo sua resenha! Eu li A promessa, e a narrativa do autor me conquistou e cativou, tenho certeza que essa será uma leitura maravilhosa, cheia de sentimentos! Parabéns pela resenha, amei! Bjo!

Juliana Vicente disse...

Que resenha tocante. Sou sincera em dizer que não tinha planos de ler esse livro, mas agora está na lista de desejados.

acho que vou me emocionar muito lendo. Adorei o trecho que você postou, a mensagem é maravilhosa.

Beijos

Cali disse...

Oi Adriana! Já vi esse livro, mas achei água com açúcar e não me interessei em ler, mas com sua resenha, ele ganhou um ar interessante...hehehe...possivelmente vou ler. Um abração!!!!

Marcia Noto disse...

Olá, Adriana!

Fazia tempo que eu não lia uma resenha tão entusiasmada!!!
Eu li "A Promessa" e também gostei do estilo do autor. Com certeza, esse livro também entrou para a minha lista.

Bjs!

Patty Viana disse...

Oi Adriana, me identifiquei com o que vc disse sobre autores novos, e é por esse motivo que tenho passado longe deles na livraria. Mas sua resenha está tão empolgante que acho que vou tentar mais uma vez! E tbm fique muito curiosa com essa perda "aparentemente definitiva"!

Aline disse...

Nossa, depois dessa resenha vou até colocar na minha listinha para ler!

:)

Patricia Cardoso disse...

Nossa Adriana, mlhor livro de 2012, correndo direto pra minha lista de dsejos. A resenha está maravilhosa! Bjs...

Jeanne Rodrigues disse...

Uau, Dri !!!

depois de tão ardorosa e empolgante resenha, só me resta coloca-lo na lista.

amei...

Bjos,

Aline disse...

Dri,

Quero ler, adoro histórias misteriosas, envolventes.
Bjs

Yasmin Dm disse...

nossa, parece muito bom mesmo. quero mtooo ler...e ainda mais q sera uma coleçao...otimoooo!!!

Sandra Portugal disse...

Acabei de ler esse livro e gostei bastante.
bj Sandra
http://projetandopessoas.blogspot.com.br//

Patricia Cardoso disse...

Olá Adriana,
li o livro, e passei aqui pra agradecer a indicação, e dizer que amei o Alan. Bjs.

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso Chá das Cinco!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Faça valer a sua opinião! Seja educado(a). Gentileza aqui sempre tem vez. Portanto, mensagens ofensivas não serão publicadas.

 
UM LIVRO NO CHÁ DAS CINCO © 2010 | Designed by Chica Blogger. Personalized by Lili and Medéia| Back to top