A Jornada – Erin E. Moulton


Sinopse:
Quando as crianças ouvem histórias sobre lendas, mistérios e milagres, só podemos imaginar – de longe – o que estes contos podem significar em suas mentes. A história de A jornada surge assim: de uma senhora misteriosa, que vive entre as águas da floresta e é capaz de realizar milagres, a uma linda e comovente narrativa sobre o amor entre irmãs. Ao nascer fraquinha, com a vida em risco, Lilly desperta em suas irmãs uma necessidade heróica de providências. Tocadas pela tristeza que abate a família, elas se arriscam em uma jornada cheia de aventuras e situações muito incomuns. Entre florestas, quedas de água, pântanos, barulhos assustadores e caçadores nada agradáveis, as meninas lutam pela própria vida enquanto buscam a água milagrosa que deverá salvar sua irmãzinha. Um conto de fadas contemporâneo, escrito de forma sensível, que envolve o leitor nas maluquices das garotas e que é capaz de encantar e enternecer.


Adorei a aventura incrível e emocionante que a Editora Novo Conceito me proporcionou com esse livro.

Li A jornada na companhia da minha filha Yasmin, de 10 anos, porque é uma história para crianças e adolescentes, mas com sua trama intensa e cheia de ação, o livro consegue atrair e segurar o interesse de adultos como eu, que fiquei presa a cada passo das protagonistas.

Maple tem 7 anos e Dawn, 11. São elas que nos conduzem a uma jornada cheia de encrencas, medos e arranhões regados com o mais puro amor fraternal. Pensando apenas em buscar um milagre que salvará a vida da irmã recém-nascida, as meninas saem de casa com um mapa, uma bússola, um kit de sobrevivência e muita coragem, mas não imaginam os desafios que precisam enfrentar para triunfarem em sua busca. E é aí que o fascínio começa! Na linda capa está a borboleta monarca que aparece para Maple sem nenhuma explicação e nos momentos mais imprevisíveis. A mensagem da borboleta não fica explícita, mas na lembrança de um diálogo com a mãe sobre aquela espécie de borboleta, a menina consegue buscar forças para enfrentar todas as dores e dificuldades, seguir em frente e emocionar o leitor no final. A borboleta também está presente nas páginas internas do livro, sempre que começa um novo capítulo, um capricho a mais da editora Novo Conceito, que vem arrasando na parte estética de seus lançamentos.

Abaixo transcrevo o que a Yasmin achou do livro:

“Quero ser corajosa como a Maple e a Dawn! Elas são espertas e por isso conseguiram enfrentar um monte de perigo, porque amam a irmãzinha que nasceu doentinha. É importante amar a família e lutar por ela.

Eu adoro borboletas, então achei o livro é muito bonito.


Aprendi várias coisas com esse livro, como por exemplo, o que é um castor e como ele faz a casa dele. E durante a história as meninas ainda ensinam sobre outros bichos.

Achei legal toda a aventura que o livro contou e como as irmãs se ajudam para conseguir chegar até a mulher sábia da montanha e depois voltar para casa. Me deu até vontade de uma irmã e sair numa aventura como a de Maple e Dawn – se eu tivesse a coragem delas, é claro!”

É um livro para toda a família e está recomendadíssimo. Visite o site da Novo Conceito e tenha mais informações.

Aqui no blog está rolando uma promoção que vai sortear um kit do livro A jornada. Participe!

13 comentários:

Regina disse...

Driza!

Linda resenha - e a parte da Y me emocionou bastante.

Amo contos de fadas e com certeza esse é um livro que vou procurar.

bjs

Fábrica dos Convites disse...

Estou louca para er esta livro e claro que eu já estou participando da promocão. Meus dedinhos já estão cruzados. Bjs, Rose.

Aline disse...

Driza!

Olha só, a Yasmin tá com vontade de ter uma irmã! :)

Linda resenha para um lindo livro. É muito importante abordar a importância da família, de aceitar as diferenças e amar a todas as formas de vida. Parabéns pela editora Novo Conceito pela publicação.

Bjs

Driza disse...

Aline,

A Yasmin vai ficar querendo rssss... Vai ter que se contentar com o irmão mais velho que ela tem por parte de pai!!!

Esse livro é um charme, e a edição da Novo Conceito brilhou!

bjsss

Driza disse...

Rê,

A Yasmin já disse que esse livro é dela! Já até tirou da minha pilha de livros e levou para a dela rsss

bjsss

Driza disse...

Rose,

que bom que gostou! Boa sorte no sorteio.

bjsss

Jeanne Rodrigues disse...

Driza,

quando li a sinopse achei que a Y ia gostar. Adorei saber que não me enganei.

Parece ser ainda melhor.

Então a Y já comecei a separar os livros dela? risos...

Livros que falem de familia sempre me deixam animada a ler.

Bjos,

Driza disse...

Jê,

A Yasmin adorou rsss. Ela já tem mais livros que eu... tem uns que são bem infantis e eu sugeria a ela que os doasse, mas ela não consegue se desfazer deles, ela sempre diz: ainda não!!

bjsss

Jeanne Rodrigues disse...

Driza,

ainda não? acho que sempre vai ser essa resposta...risos...

Tem mais livros que vc? Sério? Fiquei impressionada...

Bjos,

Driza disse...

Jê,

nem as revistas em quadrinhos ela doa rssss

Tem o maior ciúmes... Eu sempre falo pra ela, que livro foi feito para circular, que não deve ficar parado numa estante, mas o "ainda não" está sempre lá!

bjsss

Luciane Eleotéria disse...

Eu adoro o significado das borboletas e parece que a capa do livro retrata muito bem o enredo. A capa é realmente muito linda. Já esta incluído em minha lista de leitura.

Driza disse...

Oi Lu,

a capa é linda sim e seu conteúdo uma delícia. Leia sim.

bjsss

Heloisa Nogueira disse...

Pelo visto é bom mesmo, vou procurar pra ver. E a capa realmente é linda. Adorei.

Beijos.

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso Chá das Cinco!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Faça valer a sua opinião! Seja educado(a). Gentileza aqui sempre tem vez. Portanto, mensagens ofensivas não serão publicadas.

 
UM LIVRO NO CHÁ DAS CINCO © 2010 | Designed by Chica Blogger. Personalized by Lili and Medéia| Back to top