Liberdade – Jonathan Franzen

capa liberdade Sinopse: A história de Liberdade gira ao redor de um trio de protagonistas. Walter e Patty Berglund formam, junto com os filhos adolescentes Joey e Jessica, uma típica família norte-americana liberal de classe média. Richard Katz é um roqueiro descolado que tenta fugir da fama que tanto buscava no passado. Os três se conhecem no final dos anos 1970, na Universidade de Minnesota, e a partir daí suas vidas se entrelaçam numa complexa relação de amizade, paixão, lealdade e traições que culminará com uma série de conflitos decisivos na primeira década do novo milênio, época em que o conceito de liberdade parece tão onipresente quanto fugidio.

-*-

Levei mais tempo do que queria para ler esse livro. A história é maravilhosa e muito intensa... e muito demorada também. Páginas demais, descrições detalhadas e sem necessidade, aquele fatídico 11 de Setembro sempre sendo citado... enfim, cansou!

Achei muita presunção o que está no canto superior esquerdo da bela capa, em destaque: O livro do ano, e do século (The Guardian). Bem, não considero Liberdade o livro nem do ano, muito menos do século. A história é sem dúvida belíssima, mas existem centenas de livros tão bons quanto ele, e até melhores, sendo lançados por aí.

Liberdade tem 605 páginas e foi lançado pela Companhia das Letras. Eu estava sem livro e, movida pela sinopse, emprestei Liberdade para ler. No livro, há ótimos momentos em que parar de ler é impossível, mas também tem momentos em que é preciso lançar mão de muita paciência até que a leitura flua bem novamente.

Os personagens sem dúvida são apaixonantes. O triângulo Walter, Patty e Richard e, ainda, Joey, Connie e mais outros tantos personagens são inesquecíveis e impressionáveis em suas complexidades.

O enredo de Liberdade é tocante. Ele fala da luta de seus muitos personagens em busca de seus sonhos, valores e desejos. Alguns chegam lá e seguem felizes, outros continuarão sempre à procura e tropeçando nos percalços da vida, mas sem dúvida que fiquei muito feliz com a oportunidade de ler esse livro.

16 comentários:

Aline disse...

Oi, Driza,

Desde que esse livro entrou no Clube do Livro da Oprah e, mais, desde que você colocou na Mesa do Chá, estou super curiosa para ler. Confesso que grandes livros me dão medo, mas, são também desafiantes. Continuo querendo ler.

Adorei a resenha.

Bjs

Sweet-Lemmon disse...

Tenho ouvido falar tanto nesse livro que dá até medo, rs. Confesso que tenho vontade de ler mas não no momento.

Bjos!

Thaís
@sweet_lemmon

Driza disse...

Oi Aline, oi Thaís,

esses livros tão recomendados sem dúvida que são boas leituras e digo que se tiverem a chance leiam "Liberdade" sim. Sem medo!
Claro que se é o livro do ano ou não depende da interpretação de casa um. Para mim, por exemplo, o livro do ano continua sendo "Quarto".

bjss

Jeanne Rodrigues disse...

Driza,

acho que vou esperar mais um pouco para ler esse livro.

Se bem que por constar como livro do ano e do século me deixa bem animada,apesar de vc nao ter tido essa impressao.

Mas sou curiosa,vc sabe. livros polemicos que atraem, resenhas como a sua, sincera, tbm.

Bjos,

Mônica disse...

Puxa, você esta me dizendo que gostou do livro1 Eu estive com ele na mão, numa livraria este fim de semana, mas como não tinha referencia, não o comprei. e ele estava bem barato. Obrigada pela dica
Bju

Vanvan disse...

Ai ai ai, eu confesso que estava namorando este livro desde que ví esta capa maravilhosa, mas agora com a sua resenha....bem, aho que vou esperar um pouquinho pois, estou com medo de me decepcionar, vou deixar pra ler quando eu não tiver mais nada na fila...beijos

Driza disse...

Jê, leia sim claro. Independente da impressão que cada um tem sobre o livro, sem dúvida é uma leitura enriquecedora.

bjsss

Driza disse...

Oi Mônica,

Eu gostei sim, tem momentos muito marcantes e emocionantes. Volta lá na loja, quem sabe continua barato heim!?

bjs

Driza disse...

Vanvan,

acho que vc não se decepcionaria não. Eu gostei muito.

bjsss

Patricia Cardoso disse...

Olá Driza,

livros com descrições minuciosas, geralmente o autor (a) acaba perdendo a mão, assim temos que persistir na leitura pra descobrirmos que ele vale apena. Que bom que você persistiu. Valeu pela dica. Bjs...

Kelly Marques disse...

Oi Driza!
Eu tinha colocado o livro na lista de comprinhas, mas ainda não tinha visto nenhuma resenha sobre ele. Gostei muito da sua resenha, especialmente do que você destacou no último parágrafo, e me deu uma vontade a mais de ler o livro.
Beijos!

Driza disse...

Oi Paty,

concordo com vc, as vezes vale muito a pena ter um pouquinho de paciência.

bj

Driza disse...

Kelly,

o livro é bem volumoso e pode ser que demore um pouco para lê-lo, mas qdo se chega ao final a sensação é de ter passado momentos maravilhosos com essa leitura.

Obrigada pela visita.

bjsss

claudia disse...

ola,
muito legal o site,a partir de agora irei tmb compartilhar dicas de leitura.Atualmente estou envolvida numa trama complicada,hora me canso um pouco dos dialogos,FOFOCAS RUSSAS rsrsrsrs, hora sento-me curiosa, mas estou decidida a ir ate o fim.N gosto de deixar historias inacabadas, enfim .... Refiro-me ao livro O Adolecente de Dostoievski.Assim q termina-lo envio meu veredito final.
Espero dividir essas experiencias com vcs daqui pra frente.
bjssss

Brenda Leal disse...

Foi exatamente isso que senti em relação ao livro. Tem momentos que o livro tem um fôlego incrível e você se sensibiliza com os personagens e com o fato deles serem tão diferentes e tão próximos ao mesmo tempo. Mas tem momentos, principalmente quando começa o papo sobre as construções, a sustentabilidade e as negociações pelo projeto, que fica arrastado.
Confesso que comprei pela crítica do The Guardian, mas não considerei isso tudo.

Não conhecia o seu site. Muito legal!

Driza disse...

Olá Brenda e Claudia,

que bom que gostaram do blog. Visitem sempre.

O livro é bom sim, mas sem exageros, tá na média rsss

bjão

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso Chá das Cinco!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Faça valer a sua opinião! Seja educado(a). Gentileza aqui sempre tem vez. Portanto, mensagens ofensivas não serão publicadas.

 
UM LIVRO NO CHÁ DAS CINCO © 2010 | Designed by Chica Blogger. Personalized by Lili and Medéia| Back to top