Cheio de Charme – Marian Keyes



Tooodo mundo se lembra de onde estava quando ouviu a notícia de que Paddy de Courcy ia se casar.

Entretanto, para quatro mulheres em particular, a grande novidade sobre o carismático político é especialmente importante...

A consultora de estilo Lola Daly tem todos os motivos do mundo para querer saber quem é a pessoa com quem Paddy vai se casar — afinal, mesmo sendo a namorada do cara, ela não é, definitivamente, a noiva. De coração partido, Lola foge da cidade e vai para uma cabana no litoral. Será que o retiro se provará tão idílico quanto ela imagina?

Não se a jornalista Grace puder fazer alguma coisa. Ela quer uma versão bem íntima do noivado do De Courcy e acha que Lola tem a chave desse segredo. Grace conheceu Paddy há muito tempo. Mas por que será (ai, que ódio!!!) que ela não consegue esquecer o sujeito?

A irmã de Grace, Marnie, pode ter a resposta. O problema é que ela também tem pendências a resolver com o passado. Seu querido e adorado marido e suas lindas filhas são maravilhosos, mesmo assim eles não conseguem afastar a lembrança daquele primeiro amor: um certo... ele mesmo: Paddy de Courcy. Do que Marnie precisa para levar sua vida adiante?

E o que dizer sobre a futura Sra. De Courcy? Alicia fará qualquer coisa pelo noivo e está determinada a ser a primeira-dama perfeita. Mas será que ela conhece o verdadeiro Paddy?

Quatro mulheres diferentes. Um homem terrivelmente sedutor. E o segredo sombrio que conecta a todos.

Cheio de Charme! O título do livro já entrega quem é o personagem principal. Mas quem falou que personagem principal tem ser bonzinho?

Cheio de Charme conta a estória de um político irlandês cheio de charme que seduz todas as mulheres e que as mantêm no seu dedo mindinho. Um homem sedutor, encantador e, por que não dizer, manipulador (foi a melhor palavra que encontrou para não xingá-lo!).

Quatro mulheres e um único homem! Durante a leitura do livro somos apresentados a 4 mulheres que de uma forma ou de outra foram "marcadas" por Paddy de Courcy.

Lola, uma consultora de moda, descobre através da imprensa que seu "namorado" está de casamento marcado com outra. E não se conforma. Irá se humilhar de todas as formas possíveis para que Paddy volte para ela. Até que é convencida por suas amigas a passar uns dias em uma cabana no litoral. No inicio a sua estadia nessa cabana deixou a desejar. Cansei dos seus passeios, da sua sopa sem caroço e de seus filmes. Até o momento em que ela conheceu um grupo de pessoas incríveis. Aí, sim, a personagem mesmo sofrendo horrores, começou a subir no meu conceito.

Grace, uma jornalista forte, independente, guerreira e idealista. Conheceu Paddy há muitos anos e não consegue esquecê-lo. Mora com Damien, o seu par perfeito e tem com ele uma relação bonita e feliz. Pady irá voltar do túmulo para assombrar a sua vida. Adorei essa personagem. Me identifiquei bastante com ela e ela se tornou a minha preferida rapidinho.

Marnie, é a irmã gêmea de Grace. Seu sonho sempre foi ter uma família. Hoje está casada e tem 2 filhas. Mas não é feliz. Tem um problema sério e no decorrer do livro senti toda a sua dor e me solidarizei com ela.

Alicia é uma mulher de sorte. Está num momento muito feliz pois é a mulher mais invejada de toda a Irlanda por ser a noiva de Pady. E só! Será mesmo uma mulher de sorte???

São muitos personagens coadjuvantes que se destacaram mas dois deles não poderia deixar de citar: Dee (se todos os políticos fossem como ela !) e Chloe (um luxo só!)

Alcoolismo, violência doméstica, traumas psicológicos também foram retratados com louvor em 784 páginas (poderia ser bem menos). Como não se indignar e sofrer junto com os personagens?

Não é uma leitura divertida, salvo em alguns momentos (clube de cross-dresser) mas sem dúvida é uma leitura que te "marca".

Recomendo.

19 comentários:

Vivianne Fair disse...

Sim, mas até que tinha trechos bem divertidos! Lembra os crossdressers? Eu ri muito!! Mas a Maryan tem mesmo momentos bem tristes! Adorei esse livro! ^^

Simone disse...

Espero ler esse livro em breve ja que ele faz parte da minha lista, espero tbm ganhar ele em algum sorteio!!
kkkkkkkkkk
valeu pela dica!
xeru!

Fernanditabr disse...

Meninas,
Está uma delícia esse chá. De bom gosto e informação de qualidade.
beijo em todas,
Fernanda

sabrina disse...

OI, Jeanne!
Estou doidaaaaaaaaaaaaaaaa para ler esse livro... Sabe que ele lembra muito um filme antiguinho?? Não consigo me lembrar agora, mas era de quatro mulheres e um homem, a diferença é que ele namorava TODAS ao mesmo tempo ( se não me engano ele se chama Taylor.
Mas achei a trama bem interessante, e mais do que está em minha lista de desejados!
Bjusss

PS:Porque vc fala que poderia ser bem menos páginas? Não gostou da história?????

♥MáH♥ disse...

Adoro a autora, mas confesso ter me decepcionado um pouco com Casório.
A leitura não fluiu...
Quem sabe com esse eu não me anime mais né?

Se quiser visitar, terei o prazer de recebe-las em http://resenhandomm.blogspot.com/

Bjinhus

Medéia disse...

Marian sempre é uma boa leitura, mesmo quando é mais triste.
Ela tem um quê de cada sentimento: diverte, emociona e nos deixa presas ou curiosas.
Eu tô curiosa... vai para a "lista" (que só aumenta).
Beijos

Anna Gabby disse...

Vi o livro, nem tinha pensando em comprar mudei de idéia.

Tenho um selinho para vc:
Pegue o seu selinho

Nanda disse...

Ei Je,

Este livro é bem diferente do que a gente espera da Marian, mais profundo e com menos piadinhas engraçadas. Eu amei o livro, foi dos livros dela que eu mais gostei. A história é triste, tem partes q emocionam e acho que so a Lola garante alguns momentos divertidos.

bjo

Leninha - sempre romantica disse...

Ui gostei!
Já tinha ouvido falar que menos páginas não fariam diferença, que o excesso tornou até um pouco chato o livro.
Mas se o livro não se tornar 'esquecível' já ta bom.
Tenho ele aqui em casa esperando por leitura.
O que digo para ele?
- Espera mais um pouco menino, han!
Adorei sua resenha!
Beijos!

romancesinpink.com.br disse...

Não faz muito o meu gênero, mas parece ser marcante.
bjokas

Leninha - sempre romantica disse...

Amores tem Meme para vc lá no blog amiga!
http://natadosromances.blogspot.com/2011/01/o-livro-perfeito-meme.html

Beijos!

Driza disse...

Oi Jê,
que bom que gostou do livro. E seu comentário ficou show. Parabéns!
bjs

Elisandra disse...

Gostei muito da sua resenha, estou louka para ler esse livro, gosto de histórias que se enrtelacem e que contem sobre a vida dos personagens, com os quais as vezes podemos nos indentificar.

Beijokas elis!!!!!!!!

Debs disse...

Comecei a ler este livro ontem! Adoooroo Marian Keyes, já li todos os outros!:-) E já peguei a dica de mais 2 livros aqui que fiquei interessada! O da Meg Cabot (só li o primeiro Diário da Princesa) e o Pílula do Amor. Adorei este blog! Já linkei! bjss, Debs (htpp://istomeinspira.blogspot.com)

Mah disse...

Oi oi! Primeira vez que posto aqui no Chá!
Então, eu já li todos - e tenho todos - os livros da Marian e sou apaixonada por eles...
Só que o ultimo que li ("Tem alguém aí?") me deprimiu horrores, e passou a ser o livro que menos gostei e fiquei 'meio assim' em ler ou não "Cheio de Charme"... Por isso que ainda não o comprei...
Mas essa resenha deu uma boa visão do livro e ok, eu vou comprá-lo!
Aproveitando, quero parabenizar o blog! Vocês fazem dele incrivel e gostosinho de ler, ficar vendo os posts antigos... tudo junto!
Bjs Bjs!!

Flávia Kelly disse...

784 páginas? Nunca li um Chick-lit grande assim...

Uma amiga comprou e vai me emprestar, espero gostar pq abandonei o livro FÉRIAS, não fez mto meu estilo...

Bjs

Juliana Vianna disse...

Nossa, esse livro é bem diferente do que eu pensava que fosse - um chick-lit bem superficial. Já vi o meu engano; ele parece ser muito bom. :) Adorei a sua resenha! O livro vai pra lista. :D

Beijos, Ju

Ivi disse...

Tem que ser muito boa para criar um mistério bem humorado como este. A forma como ela coloca assuntos sérios como alcoolismo, foi impressionante. Fiquei apaixonada pelo Paddy, até desconfiar o quanto ele era idiota!!! Tal qual na vida real!!! Nos paixonamos pelos homens "perfeitos" e quando descobrimos o quanto eles são infelizes, nos odiamos. MARAVILHOSO!!

Cali disse...

Há 6 meses ele está na minha estante esperando...já li outros livros da Marian: Melancia, Férias, Sushi (q eu mais gostei...), agora pretendo ler este, me empolguei mais com a resenha...rsrs

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso Chá das Cinco!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Faça valer a sua opinião! Seja educado(a). Gentileza aqui sempre tem vez. Portanto, mensagens ofensivas não serão publicadas.

 
UM LIVRO NO CHÁ DAS CINCO © 2010 | Designed by Chica Blogger. Personalized by Lili and Medéia| Back to top