Desafio literário - Junho



Perdas e DanosLya Luft (Record)

Sinopse: Neste livro, a autora alia memórias a uma delicada e sensível visão sobre o processo de envelhecimento da mulher. Busca dar um testemunho pessoal sobre a experiência do amadurecimento. Convoca o leitor para ser seu amigo imaginário: cúmplice e companheiro de reflexões que vão da infância à solidão e à morte, ao valor da vida e à transcendência de tudo. Lya divaga, discute e versa, com ímpeto, compaixão, e muitas vezes bom humor, sobre velhice, amor, infância, educação, família, liberdade, homens e mulheres, gente de verdade... e conclui que o tempo passa mas as emoções humanas não mudam, revelando que é preciso reaprender o que é ser feliz.

Eu escolhi este livro porque... gosto da autora. Adorei alguns livros dela que já li.

A leitura foi... chata.

Minha opinião: Esse livro não faz parte do tipo de leitura que me agrada. No início até pensei que era auto-ajuda, mas li alguns comentários aqui e ali na net que diziam que não, não era auto-ajuda, mas sim arte! Então tá!

O livro é até interessante. É como se a autora conversasse com os leitores. Tem frases marcantes, como esta por exemplo: Ainda que a gente nem perceba, tudo é avanço e transformação, acúmulo de experiência, dores do parto de nós mesmos, cada dia refeito. Somos melhores do que imaginamos ser. Mas não consegui aproveitar a leitura com alegria. A autora é ótima e sei disso porque já comprovei em outros livros dela. Mas infelizmente esse gênero não me cativa.

9 comentários:

Edward disse...

Sou um seguidor apaixonado pelo blog e gostaria de saber como faço para me comunicar com as meninnas do chá.
Ah! Adorei a avaliação do Perdas e Ganhos! Lya Luft é encantadora!

Driza disse...

Oi Edward, obrigada pela visita e participação.
Nos mande um email no umlivronochadascinco@gmail.com

um abraço

Regina disse...

Oi Driza

Eu gosto de ler as colunas dela na Veja - sempre uma boa reflexão! Pena que o livro foi chato...

bjs

Beli disse...

Oi! Eu também adoro o chá! Foi um dos primeiros blog literario que comecei a companhar...
Uma vez eu folheei esse livro em uma livraria e li algumas parte dele... Sinceramente, tb gosto muito da autora, mas tb me pareceu como de auto ajuda... Não gostei muito não!

Laura Schwartz disse...

Minha mãe tem esse livro e eu nunca consegui ler. Achei chato também.

Driza disse...

Oi amigos,
só não se esqueçam que a Lya Luft é muito mais que esse livro tá! Ela tem obras maravilhosas...

um grande bj a todos e muito obrigada pela visita e comentário.

Driza

Vivi disse...

Driza, você sabe que eu te amo muito e aos seus comentários, né? Torna tudo mais divertido.:D
Quanto ao livro, eu gostei muito. Aprecio bastante o estilo. Ótima participação!

Bjs

Cali disse...

Já li uns trechos deste livro, ele nos leva a reflexões, pq a leitura de Lya é calma, e ela parece dialogar conosco em alguns momentos. É um livro pra se ler aos poucos,q permite q tenhamos outra leitura ao mesmo tempo.Li tb a coluna q ela tem na revista Veja, perfeita!!!! bjs!!!

Ivi disse...

Eu gosto muito das cronicas da Lya, mas este livro, particularmente, não me encantou como eu imaginava!!!

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso Chá das Cinco!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Faça valer a sua opinião! Seja educado(a). Gentileza aqui sempre tem vez. Portanto, mensagens ofensivas não serão publicadas.

 
UM LIVRO NO CHÁ DAS CINCO © 2010 | Designed by Chica Blogger. Personalized by Lili and Medéia| Back to top