O Noivo da Minha Melhor Amiga - Emily Giffin


"O noivo da minha melhor amiga", conta a história de Rachel, uma jovem advogada de Manhattan. A moça sempre foi reconhecida por si mesma e seus amigos mais próximos como “a certinha” e “a boa moça”, mas tudo isso muda subitamente em seu aniversário de 30 anos, durante a festa oferecida por sua melhor amiga, Darcy. Meio deprimida por chegar aos 30 sem o marido e os filhos que imaginava ter a essas alturas da vida, Rachel bebe demais e termina a noite na cama com Dex, seu grande amigo de faculdade e noivo de Darcy. E agora, após uma noite com o noivo da melhor amiga, Rachel acorda determinada a esquecer para sempre o fatídico encontro, mas acaba descobrindo que sempre amou Dex. E, apesar da amizade a Darcy, começa a perceber que ela não é exatamente o que se espera de uma melhor amiga."


Depois de romances policiais, histórias densas, e as participações do Desafio Literário, pintou a vontade de ler uma chicklit bem leve. E, como já haviam me recomendado esse livro, resolvi arriscar. E gostei. Apesar de não ser leve e tão engraçado como eu esperava, ainda é literatura de mulherzinha.


Rachel e Dex se conhecem há muito tempo. Estudaram juntos e são amigos. Do outro lado, Darcy, a melhor amiga de infância de Rachel. Darcy tem uma personalidade polêmica, do estilo ame-ou-odeie. Rachel apresenta os dois amigos e o resultado é um noivado. Encontramos esses personagens nessa fase da vida, Rachel ajudando a amiga Darcy nos preparativos para o casamento com Dex, e vivendo ela mesma uma fase de questionamentos sobre seus relacionamentos pessoais, incluindo suas amizades. A carência de Rachel e a gentileza de Dex culminam numa noite memorável, que mexe com a vida dos dois.


O livro é contado com auxílio de narrativas do passado, e só assim podemos entender a relação Rachel-Darcy. As amigas são inseparáveis, mas só porque uma se submete à outra. Toda a amizade é marcada por episódios onde Darcy é a protagonista. Rachel então, tentada a ser a protagonista da sua vida e ter uma vida independente de Darcy, acaba embarcando na aventura de ter um caso com Dex. Desde o princípio, os amantes estão emocionalmente envolvidos, resgatando uma intimidade dos tempos de faculdade. Rachel é decidida e apaixonada, mas tem medo de ferir a amiga. Dex é mais acomodado, embora muito doce e gentil, suas atitudes muitas vezes foram difíceis de entender.


No desenrolar dos capítulos, explora-se tanto a relação entre Rachel e Dex, amantes, como a relação entre Darcy e Rachel, amigas. A história é realista no ponto em que os conflitos não se resolvem com mágica, e as pessoas ficam marcadas pelos seus atos. Descrito como um romance, o livro é um pouquinho mais. Sem a pretensão de estudar relações humanas, vemos na desprentensiosa história a pitada de realismo necessária para manter os pés no chão.

PS: A continuação já existe no exterior, com a história de Darcy.
PS2: Esse livro vai virar filme! Está em processo de produção.

14 comentários:

Caline disse...

Olá Aline, eu adorei a leitura. Ela realmente super leve e vai além de um simples romance. É quase realista quando mostra que ninguém é completamente bom ou ruim.

Já postei uma resenha sobre ele no meu blog.

Bjs.

Alice disse...

Oi Aline, eu adoro O Chá das Cinco, é perfeito! Sobre a leitura, eu amei!! Quando vi k vcs kecomendaram esse livro, fiquei eufórica, é muito boa. Mostra a realidade de porque algumas pessoas traem... e apesar de concordar com vc de que não é algo leve, mas nos faz pensar. XOXO, da Alice

Leninha - sempre romantica disse...

Amei, fiquei curiosa com o desfecho desse livro, ai ai, lá vou eu atrás de mais um... pára Leninha, chega de ler sinopses e querer o livro, ai ai ai, kkkk

Dani disse...

Eu amo esse livro... É uma dos meus prediletos da categora chick lit. Ganhei ele de uma amiga que me desafiou a gostar do livro... Isso mesmo, me desafiou a gostar, pq quando li a sinopse achei que jamais ia conseguir gostar da história de uma dama de honra que rouba o noivo da amiga de infância. Mas um dos grandes méritos do livro é esse, fazer o leitor dar uma volta de 360° nos seus pré conceitos e se deixar cativar pelo casal atormentado. Recomendo muito.
Obs: O ator Peter Faccineli - o Dr. Carlile da saga Twilight - estava cotadíssimo para fazer o Dex, mas não sei se já ganhou o papel...

Aurelia disse...

Mais um pra minha "listinha". Definitivamente eu vou a falência.Desde que descobri o blog minha frase preferida é: Eu quero, eu quero.
Bjs.

Aurelia disse...

Mais um pra minha "listinha". Definitivamente eu vou a falência.Desde que descobri o blog minha frase preferida é: Eu quero, eu quero.
Bjs.

Driza disse...

Oi Aline,
eu já li esse livro, mas já tem um certo tempo. E como adoro esse estilo de leitura, não preciso nem dizer que gostei né!?

bjs

Driza

Vivi disse...

li este há muito tempo, achei médio, particularmente não faria um adaptação pra as telas. Outro que segue essa linha média chama "Todos se apaixonam em hollywood", meio sem graça, deixei os dois na mesma categoria. Queria ler o último livro da Sarah Mason, das escritoras do gênero essa é a q mais gosto, mas acho que não saiu no Brasil.

Jeanne Rodrigues disse...

Aline,

recomendo tbm!!!

Adorei o livro e li em questao de poucas horas, tamanho a vontade de saber o que iria acontecer.

Foi ótimo recordar...

=)

Bjos,

Lizzy disse...

Excelente livro. Muito divertido.

Thata disse...

Vi só o filme. Ouvi boas críticas do livro e da autora que está tendo um grande sucesso.

Não importa se ele é o disputado, mas que Dex agiu como um canalha, ele agiu sim! Não é santinho na história não...E essa Darcy sugadora...
O livro retrata algo bem real

Vall Knopp disse...

como vi a continuação hoje deste livro, agora vou ter de ler este, para depois ler o outro! ahahha e assistir ao filme, que por incrível que pareça ainda não vi! ♥ Meninas... é muito livro bom para lermos e nos deliciarmos, né!? beijocas e pipocas!

http://livroideologia.blogspot.com.br/

Thata disse...

Com a resenha do segundo livro, bem que seria legal ler este. Eu já vi o filme e como quase todos detestei Darcy, mas não morri de amores por Rachel. A falta de comunicação sincera e atitude é clara e realista.

Bjs

CCHOCETANDO disse...

Já ouvi falar desse livro e pintando a oportunidade eu leio
Cristina.

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso Chá das Cinco!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Faça valer a sua opinião! Seja educado(a). Gentileza aqui sempre tem vez. Portanto, mensagens ofensivas não serão publicadas.

 
UM LIVRO NO CHÁ DAS CINCO © 2010 | Designed by Chica Blogger. Personalized by Lili and Medéia| Back to top