Qual é o seu livro favorito?

Quem mete a colher no chá é : Rafaela (Naru-Chan)

Moro em: Rio Grande do Sul

Meu blog é: http://olharleitor.blogspot.com/


 
                                   
Meu livro no chá das cinco é: O Filme Perfeito da autora Jodi Picoult.  Editora Planeta do Brasil.

Sinopse:

Jodi Picoult, uma das autoras norte-americanas mais importantes da atualidade, escreve, com sofisticação e delicadeza, uma história emocionante e dramática sobre amor e sofrimento. Um romance de tirar o fôlego!
A antropóloga Cassie Barrett é uma mulher feliz quando se casa com o talentoso, rico e charmoso ator Alex Rivers. É definitivamente o casamento dos sonhos, um filme perfeito aos olhos da apaixonada esposa. Porém o passado de Alex o atormenta, tornando-o agressivo e violento, direcionando a Cassie toda a sua ira. Assim que ela descobre que está grávida, contra a vontade de seu marido, precisa encontrar um modo de proteger a criança que espera antes que seja tarde demais. Dividida entre o medo e a lembrança do amor, Cassie precisa resolver questões que nunca imaginou enfrentar: Como poderia partir? Mas, por outro lado, como poderia ficar?
O livro conta: Quando me pedem pra falar qual minha cor favorita, qual banda/cantor eu mais gosto, e até qual meu escritor favorito, a minha resposta sempre é a mesma: não tenho.
Acho extremamente difícil escolher um só, entre diversos gêneros diferentes, para representar aquilo que mais gosto. Além do que, nenhum profissional, seja cantor, ator, escritor, apresentador é perfeito, e talvez isso, ligado ao fato de que sou bem eclética em minhas escolhas, faça com que eu realmente ache impossível escolher apenas um como favorito. Mas Jodi Picoult certamente está em uma categoria à parte. Depois de ler o incrivelmente trágico, e maravilhoso, "O pacto", e depois de me sensibilizar com a história de "Uma questão de fé", um novo livro da autora chega ao Brasil, "Um filme perfeito", e novamente, Jodi não decepciona.

O livro conta:  

Eu conheço a fascinação que muitos leitores tem com Nora Roberts, e talvez a escritora realmente mereça tamanha atenção, mas quer saber? Jodi Picoult está no mesmo patamar (provavelmente até supere) sua colega de profissão. Os personagens de "Um filme perfeito" possuem tamanha complexidade, que mesmo o "vilão" da história Alex Rivers se torna alguém com quem o leitor pode se identificar. A violência, proporcionada por ele, embora muitas vezes gratuita, é fruto da própria incapacidade de Alex de se libertar do seu próprio passado de abusos. Filho de um pai bêbado e agressivo, que considerava Alex, tudo menos o filho que ele gostaria de ter, e uma mãe incapaz e negligente, Alex acaba por se tornar simplesmente "o fruto do meio em que vive", mesmo que no final das contas, o seu passado não seja o suficiente para desculpar seus abusos em relação a sua esposa. Mas nesse livro, a história que mais me chocou, foi do amigo de infância de Cassie, Connor. Uma história trágica que de certa forma é simplesmente "jogada" no meio do livro, e que mesmo sem ter sido altamente elaborada, ou explicada, choca tanto quanto a história do livro "O pacto." O único ponto negativo do livro, talvez seja Will. Que apesar de ser um personagem interessante, filho de um índio e de uma branca, e que passou grande parte da sua vida sendo vítima do preconceito tanto da sua tribo (por ser metade branco) como dos próprios brancos (por ser índio) não parece ter tempo o bastante na história para se desenvolver mais profundamente.

O livro é danado de bom porque: É um drama interessante sobre violência doméstica, algo que infelizmente faz parte da sociedade, e que em muitos casos não recebe atenção suficiente da sociedade. Pelo menos uma em cada três mulheres já foi espancada ou estuprada, e o Brasil é um dos campeões em casos de violência doméstica NO MUNDO. Além de ser um lembrete de que situações como a de Cassie existem e podem atingir qualquer classe social, o livro em si é envolvente e trás algumas reviravoltas interessantes. Vale a pena conferir.

Não posso esquecer de comentar que: Como todos os livros de Jodi Picoult, já lançados no Brasil, e como diz a própria sinopse, o livro é um drama (embora não seja tão pesado quanto "O pacto"). Quem não gosta desse tipo gênero, passe longe.

O livro é uma palavra: Envolvente!

O que achou de ser a convidada do chá? É sempre uma honra poder participar (mesmo que só um pouco) de sites/blogs e afins que contenham uma equipe esforçada em trazer de forma leve e divertida conteúdo sobre o mundo literário, ainda mais considerando os baixos índices de leitura no Brasil.

Como conheceu o blog? Site de buscas.

Com que frequência você vem tomar um chá conosco: Diariamente.



Você também quer ser nossa (o) convidada (o) do Chá? Envie para nós o seu romance favorito. Clique neste link e preencha o nosso formulário. As donas da casa irão ficar muito felizes com a sua participação! Venham então tomar um chá conosco!!

6 comentários:

Juh-nior... disse...

NOssa, ganhei esse livro em um sorteio no Sussurros Intimos e ainda não tive tempo para começar a ler-lo, todo mundo fala muito bem dele... e a historia... nossa...


Agora... pedindo uma ajudinha, estou fazendo uma promoção no meu site, da uma passadinha por lá e concorra também. Olha o link aqui: http://mindprisioner.blogspot.com/2010/01/1-promocao-mp-memorias-de-uma-gueixa.html

Jeanne Rodrigues disse...

Rafaela,

Com um comentario tao entusiasmada assim, nao poderia ser diferente. To colocando na lista.

Obrigada pela participação.

Bjos,

Driza disse...

Oi Rafaela,

Eu sou uma das apaixonadas por Nora, mas não conheço os livros dessa autora que vc apresentou. Puxa, agora fiquei curiosa. Gostaria de ler.

Parabéns pela participação.

bjs

Driza

Patricia Cardoso disse...

Olá Rafaela,

comprei este livro no final do ano passado, e o estou guardando para as minhas férias, mas, após ler o seu post, acredito que não conseguirei esperar, pois, fiquei muito interessada em ler este drama, pois, eu sou fascinada por um bom drama. Parabéns pela sua resenha!

Beijos,
Paty

Aline disse...

Oi, Rafaela,

Gosto muito da autora, mas esse livro eu ainda não li.
Venha participar conosco outras vezes.

Bjs

Aline

Vivi disse...

Eu quééeeero!
Rafaela, obrigada pela participação!

Beijos

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso Chá das Cinco!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Faça valer a sua opinião! Seja educado(a). Gentileza aqui sempre tem vez. Portanto, mensagens ofensivas não serão publicadas.

 
UM LIVRO NO CHÁ DAS CINCO © 2010 | Designed by Chica Blogger. Personalized by Lili and Medéia| Back to top