LEMBRE-SE DE MIM de Sharon Sala


ELE NÃO CONSEGUE ESQUECER …

O coração de Clay LeGrand partiu-se no dia em que sua esposa, Francesca, desapareceu. Será que ela havia fugido? Teria sido sequestrada? Ou simplesmente, ela o teria abandonado por outro homem? Dois anos depois ele ainda fazia a si mesmo estas dolorosas perguntas quando chegou em casa e encontrou-a na cama deles, como se nada houvesse acontecido.



ELA NÃO CONSEGUE SE LEMBRAR…

O choque, o ultraje e o ódio nos olhos de Clay diziam tudo ele não acreditava que Fancesca não se lembrava de nada do que havia acontecido nos últimos dois anos. Viu a estranha tatuagem no pescoço dela, as marcas de agulhas em seus braços. E o casamento deles transformou-se num interminável turbilhão de perguntas não respondidas e negros buracos na memória. No entanto, as respostas ali estavam, esperando nas sombras, tão maldosas quanto o homem que marcara Francesca como sendo dele. Desta vez ele planejava levá-la embora para sempre. Só que para apoderar-se dela tinha que lutar contra a força mais poderosa que existia: o amor de Clay por sua esposa.



Esta história foi categorizada como Suspense romântico, mas, para nós leitores não há muito suspense, pois, logo no início do livro se revela, o que aconteceu com Francesca, e aí só dá pra acompanhar o sofrimento de Clay e sua mulher na tentativa de conseguir saber o que realmente aconteceu com ela há dois anos atrás.
Clay sofreu muito com o desaparecimento, pois, além de ter sido acusado de assassinato, ele ficou sem saber o que aconteceu com o amor de sua vida, isso realmente o tornou um homem amargo e sem esperanças. Mas, um dia, ao chegar em casa a reencontra com amnésia, e marcada aparentemente por outro homem. O que me fez gostar deste livro, foram os conflitos que surgem com a volta de Francesca. Pois, apesar de amar muito a esposa Clay, se vê tendo que confiar, e como confiar em uma mulher que simplesmente desapareceu e retorna sem respostas, e ainda tem as Francesca cobrando confiança . O que é um grande dilema, como amar sem confiar.
Gostei do livro, mesmo ele não tendo cumprido o que prometeu o “suspense”, mas, o achei muito romântico, pois, o amor de Clay por Francesca é comovente.

7 comentários:

Vivi Bastos disse...

Eu li também, Paty. Não o releria. O argumento é muito frágil.
Beijos

Regina disse...

Eu gostei muito desse livro, principalmente por causa de Clay.

bjs

Patricia Cardoso disse...

Vivi, realmente este livro só dá pra ler uma vez, mesmo, que tenha gostado dele, como disse a Rê, pelo Clay.

Beijos...

Driza disse...

Oi Paty,
Pela sua descrição acho que eu tb gostaria desse livro. Não ligo para o suspense... me parece que o romance já vale a pena.

bjs

Aline disse...

Entre o que a editora vende e o que é mesmo, a história tem suas diferenças... Esse livro eu não chamaria de suspense, é romance mesmo! Eu adoro esse livro, reli várias vezes. Clay é um personagem masculino encantador.
Parabéns pelo comentário.

Jeanne Rodrigues disse...

Paty,

Só leria pelo romance e pelo Clay que parece ser uma unanimidade.

Bjos

Thata disse...

Seria demais dizer que leria só pelo Clay? rsrsrs
Mas é! E Francesca, será que só vai cobrar confiança ou vai desenvolver outros sentimentos?

Bjs

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso Chá das Cinco!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Faça valer a sua opinião! Seja educado(a). Gentileza aqui sempre tem vez. Portanto, mensagens ofensivas não serão publicadas.

 
UM LIVRO NO CHÁ DAS CINCO © 2010 | Designed by Chica Blogger. Personalized by Lili and Medéia| Back to top