DE VOLTA PARA CASA de Susan Wiggs


Em sua carreira como fotojornalista, a aventureira Jessie Ryder sempre viu o mundo através das lentes de sua câmera. Contudo, jamais viajou longe o suficiente para escapar de um fato doloroso que a vem assombrando ao longo dos últimos dezesseis anos: o dia em que deu sua filha recém-nascida para adoção. Agora, em meio a uma crise que alterará sua vida para sempre, Jessie decide colar os cacos de seu coração partido e seguir em busca de Lila, mesmo que isso signifique abalar o mundo de sua mãe adotiva... sua própria irmã, Luz.
Como um tornado irrompendo na vida supostamente perfeita da irmã, Jessie volta à sua cidade natal, no Texas, com um pedido avassalador: quer contar a verdade à filha. Ao mesmo tempo em que Luz e o marido se esforçam para lidar com os efeitos que o retorno de Jessie possa surtir na rebelde Lila, seu casamento, aparentemente sólido, vacila. Antigos segredos são expostos. Então, exatamente quando Jessie acerta as contas com o passado, a ironia agridoce do destino entra em ação. Jessie encontra Dusty Matlock, um jovem pai que sobreviveu a uma perda devastadora, e começa a ver surgir as possibilidades de esperança que se escondem nas mais terríveis tragédias.



INTENSO! Este livro é extremamente intenso, forte, comovente. As minhas emoções oscilaram o tempo todo, entre a tristeza, ansiedade e a raiva. A autora foi extremamente sensível ao nos apresentar uma história com um tema tão delicado: a adoção.

Luz, a irmã que adota a sua própria sobrinha, a rebelde Lila, se vê tendo que contar a sua filha a verdade sobre seu nascimento, e teme confundir ainda mais a cabeça de Lila, que está passando por um momento difícil.

Jessie surge na vida de sua filha, querendo assumir o seu espaço que abriu mão, quando a entregou para Luz. Em alguns momentos do livro, cheguei a detestar Jessie, não por ela ter dado a filha para adoção, mas, a forma como ela voltou simplesmente se impondo, mas, com o decorrer da história, passei a entender a ansiedade dela, pois, ela tinha um motivo que justificava a corrida contra o tempo na busca pelo amor de sua filha.

O envolvimento de Jessie e Dusty é extremamente arrebatador, e Dusty encanta por ser um homem que sabe o que quer, e luta por isso de uma forma bem romântica. E a sua história também nos comove profundamente.

Para mim o momento mais comovente desta história é a revelação do pai biológico de Lila, é um momento muito doloroso para todos os personagens.

Gostei muito deste livro, pois, nos mostra que mesmo para os que se consideram super independentes, o amor de nossa família, faz uma diferença imensa em nossas vidas. E que nunca é tarde demais para resolver as pendências do passado com os nossos entes queridos. A palavra de ordem é RECOMEÇO!

5 comentários:

Vivi Bastos disse...

Parecer ser uma linda história, Paty. E com seu relato, o título do livro adquiriu uma conotação diferente para mim. Tornou-se ressaltado por uma sensibilidade aguçada. Gosto de livros assim. E vou lê-lo, sim.

Beijos

Jeanne Rodrigues disse...

Paty,

Sempre corro atras dos livros que vc indica..E não é a toa...
E depois desse comentário tao favoravel tenho que ler.

Bjos,

Lili disse...

Tenho esse livro aqui na pilha para ler!! Depois do seu comentário Paty, vou lê-lo o mais rápido possível ;)

Obrigada
BJs
Lili

Lori e Elisandra disse...

Parabéns pelo blog, pois adoro ler opiniões e resenhas antes de ler ou comprar um livro.....bjus elis

mariana disse...

Preciso ler esse livro, preciso!!!
Pena que, essa segunda chance, pra mim é impossível...
Impossível...
Quem sabe em outra vida...

Postar um comentário

Muito legal ter você aqui no nosso Chá das Cinco!
Quer deixar um recadinho, comentário, sugestão?
Faça valer a sua opinião! Seja educado(a). Gentileza aqui sempre tem vez. Portanto, mensagens ofensivas não serão publicadas.

 
UM LIVRO NO CHÁ DAS CINCO © 2010 | Designed by Chica Blogger. Personalized by Lili and Medéia| Back to top